38°57'35.77"N 8° 4'37.03"W

Chuveiro Adam está de volta

O Paul Adam, Francês de origem Polaca, viveu em Portugal durante muitos anos e enquanto inventor dedicou-se a muitas aventuras relacionadas com a Água.
Nos anos 90 conheci-o na Feira Generalista do Algarve, Fatacil e comprei-lhe na altura um chuveiro que ainda tenho e uso e que muito me surpreendeu.
A poupança média pelo uso deste chuveiro ronda os 70% no caso da água e os 50% no caso da energia para aquecer a água de utilização para Duches.

Agora por 33 euros mais portes pode tê-lo e usufruir destas excelentes características


manual de utilizador e instruções...
aqui English Version: under the PT text

CIMG8545

A característica principal deste chuveiro Adam, como ele próprio o baptizou, é que permite uma poupança muito elevada de água e da energia necessária para a aquecer aumentando a pressão na canalização permitindo assim o funcionamento das caldeiras com baixos caudais sem prejuizo do conforto do duche que se pretende tomar. Acresce que a sua construção permite um fluxo massajador de que vai gostar assim que o utilizar.

CIMG8547


Nas instalações em que as pressões de entrega pela rede são baixas o chuveiro Adam permite uma utilização confortável dado o aumento de pressão que ajuda a manter mercê da sua construção.
Na economia doméstica tem um peso muito grande dado que é nos banhos e duches diários que se gasta mais água (cerca de 13 litros por minuto com chuveiro tradicional) e gás, electricidade ou gasóleo conforme os sistemas de aquecimento usados para as Águas Quentes Sanitárias.. Também na industria hoteleira tem um peso significativo pois os banhos tomados pelos hóspedes durante as suas estadas têm um peso significativo no custo geral de cada estada.

Nesta altura em que a questão do uso da água e da sua deficiente utilização resultam na sua falta generalizada em aglomerados urbanos de grande escala importa dar continuidade à visão do Paul Adam de se fazer um uso mais racional dessa mesma água. A cidade do Cabo, na África do Sul está na iminência de não ter água potável disponível na rede e há dois anos a cidade de São Paulo, no Brasil viu-se confrontada com essa mesma possibilidade.
É tempo de dar corpo a uma utilização racional dos recursos água e energia de forma a acautelar o futuro que é já hoje.

Durante uns anos não soube do paradeiro do Paul Adam até que resolvi procurá-lo. Depois de muito o fazer lá consegui e desde aí até ao seu falecimento em 2013 tivemos muitas conversas e ideias e colaborámos no sentido de dar vazão à quantidade de chuveiros que ainda tinha em stock e de que carecia para se valer. Nesta altura já a sua empresa havia desaparecido, a Reage, e apenas de forma informal conseguia desenvolver a sua actividade de inventor sobrevivendo do que restava da sua fabulosa invenção do início dos anos 90 de século XX.
Nessa altura, anos 90, ainda houve algumas unidades hoteleiras, no Algarve, que após estudo demonstrativo da sua valia económica/financeira instalaram os ditos chuveiros Adam nos alojamentos turísticos sob sua gestão. Os resultados não se fizeram esperar mas ainda assim não temos feedback sobre se ainda algumas unidades dessas ainda usam o dito chuveiro uma vez que com a periodicidade das renovações, tudo é normalmente substituído.

CIMG8542


O legado do Paul Adam veio-me parar às mãos em 2017 após ter visitado a sua última morada em vida e de os seus respectivos proprietários me dizerem que iriam deitar fora tudo o que lhe havia pertencido.

Tenho uma ideia:

Fazer um novo molde do dito chuveiro Adam e oferecer em nome do Paul Adam o seu desenho e planos à humanidade, afinal esse é o meu entendimento sobre a razão do legado do Paul Adam me ter vindo para às mãos.

Para que isto possa ser possível tenho um plano.

O plano é financiar parte desse projecto com a venda do que resta do espólio de chuveiros Adam que possuo.
Outra parte do plano é conseguir a colaboração de quem ache que pode ser uma mais valia na prossecução desta ideia, Empresários, Designers industriais, Especialistas em Moldes, Marketers, Ergonomistas, Designers gráficos, Financiadores, Filântropos e todos aqueles que se queiram juntar a esta viagem.

Deixo-vos o repto para que possam dizer de vossa justiça.

Cada Chuveiro Adam carece de cerca de 15 minutos para ser montado e ensaiado por mim antes de ser enviado, dada a deficiente qualidade do molde existente, razão pela qual se pretende desenvolver um novo molde. No entanto aquele que receber nas suas mãos terá apenas que o trocar pelo actual sem mais demoras. Desenrosca o velho e enrosca o novo Chuveiro Adam e voilá...

Está à disposição por 33 euros cada um mais portes no valor de 5 euros em PT, garantindo um retorno do seu investimento em cerca de um mês para uma família típica de 3 pessoas.

Bora lá poupar água e gás, electricidade ou gasóleo conforme a caldeira que usa para aquecer a sua água quente sanitária (AQS). No caso dos sistemas solares, a lenha ou termo-acumuladores eléctricos a poupança é igualmente impactante.

Bem haja a todos e ao Paul por me ter dado o privilegio de consigo privar.

English Version:

Paul Adam, a Frenchman of Polish origin, lived in Portugal for many years and as an inventor he devoted himself to many water-related adventures.
In the 90's I met him at the Generalist Fair in Algarve, Fatacil, and I bought him a shower head that I still have and use and that surprised me a lot.
The average saving by the use of this shower head is around 70% in the case of water and 50% in the case of the energy to heat the water of use for showers.

The main characteristic of this Adam shower head, as he himself named it, is that it allows a very high saving of water and the energy necessary to heat it by increasing the pressure in the pipe, thus allowing the boilers to function with low flow rates without prejudice to the comfort of the shower that if you intend to take. In addition, its construction allows a massager flow that one will like as soon as one uses it.
In installations where the delivery pressures by the net are low, the Adam shower head allows a comfortable use given the increase of pressure that helps to maintain due to it's construction.
In the domestic economy has a very heavy weight since it is in the daily baths and showers that more water is spent (about 13 liters per minute with traditional shower heads) and gas, electricity or diesel according to the heating systems used for Sanitary Warm Water. And also in the hotel industry has a significant weight since the showers taken by the guests during their stays have a significant weight in the overall cost of each stay.

At a time when the question of water use and its poor utilisation results in its widespread lack in large-scale urban settlements, it is important to continue Paul Adam's view of making a more rational use of water. Cape Town, South Africa is about to have no drinking water available on the network and two years ago the city of São Paulo in Brazil was confronted with the same possibility.
It is time to give substance to a rational use of water and energy resources in order to caution the future that is already today.

For some years I did not know the whereabouts of Paul Adam until I decided to look for him. After a lot of work I got there and from then until his death in 2013 we had a lot of conversations and ideas and we collaborated to give an outlet to the amount of showers that he still had in stock and that he lacked in order to helpl himself. By this time his company had already disappeared, Reage, and only in an informal way could he develop his activity as an inventor by surviving what was left of his fabulous invention of the early 90's of the twentieth century.
At that time, in the 90s, there were still some hotels in the Algarve, which, after a demonstrative study of their economic / financial value, installed the Adam showers heads in the tourist lodges under their management. The results were as expected but we still have no feedback on whether some of these units still use this shower heads or not since with the periodicity of the renovations, everything is usually replaced

The legacy of Paul Adam came to a halt in 2017 after visiting his last home in life and their respective owners told me that they would throw away everything that had belonged to him.

I have an idea:

Make a new mold of the said Adam shower head and offer on behalf of Paul Adam his design and plans to mankind, after all this is my understanding about the reason the legacy of Paul Adam have come to me at hand.

For this to be possible I have a plan.

The plan is to finance part of this project by selling what's left of Adam's legacy that I own.
Another part of the plan is to get the collaboration of those who think that can be a plus in pursuing this idea, Entrepreneurs Industrial Designers, Experts in Mold Marketers, Ergonomists, Graphic Designers, Financiers, Philanthropists and all those who want to join this trip.

I leave you the challenge so that you can say about your availability.

Each Adam Shower needs about 15 minutes to be assembled and rehearsed given the poor quality of the existing mold, which is why it is intended to develop a new mold.

It is available for 33 euros each plus 5 euros for postage if in PT, guaranteeing a return of your investment in about a month for a typical family of 3 people.

You can save water and gas, electricity or diesel according to the boiler you use to heat your domestic hot water (AQS). In the case of solar systems, firewood or electric storage heaters is equally impressive.

Well there is Paul and all of you for giving me the privilege of counting on you to pursuit of this endeavour.